domingo, 27 de junho de 2010

Só eu e você!!!!!

Essa semana aqui em casa foi ligeiramente complicada. Pela primeira vez depois que a Malu nasceu o Dani viajou e ficamos só nós duas.

Até que a coisa foi Bemmmmmm tranquila, por um lado por causa da nossa super ajudante, que além de cuidar aqui de casa ainda quebra meu galho olhando Maluzinha quando preciso. Por outro, por causa da maravilhosa escola que Malu fica por 4 horas à tarde que a deixa feliz e cansada!!! hehe

Mas o que foi uma vitória para mim foi passar a noite só eu e ela. Sabe, eu sempre fui bastante grilada à noite, sou daquelas que ouvem todos os barulhos do MUNDO e tudo me assusta um pouquinho, mas resolvi ficar com Malu aqui em casa mesmo assim e deu tudo certo!!

Me senti super funcional (e mega cansada !!!!)pois consegui manter nosso funcionamento mesmo sem o Dani para dar aquela mãozinha. Fui ao curso, trabalhei, fui à academia, levei e busquei Malu na escola... Enfim, tudo o que faríamos normalmente. Claro que foi pouco tempo e no final eu já estava cansada, mas foi muito importante saber que consigo me virar sozinha quando preciso, e que isso não significa que tenho que virar a mãe-maravilha e deixar minha vida de lado para conseguir dar conta dela sozinha. Coisa que eu facilmente faria, e que me deixaria acabada, doente e mega ansiosa!

Ahh, também ajuda muito o fato da Malu estar bem mais crescidinha e poder colaborar, nem que seja com pequena compreensão, para o funcionamento da casa.

Nesse período pude perceber como é importante me sentir segura e feliz quando estou lidando com a Malu. Perceber que a maternidade não me anulou, que posso voltar à ativa na minha vida pessoal, que posso privilegiar as coisas que gosto como trabalhar, ir à academia, usar o computador....E continuar dando conta da Malu de forma bastante ativa foi maravilhoso!!!

Claro que no final eu já estava mais cansada e que morria de saudades do Dani, mas achei bem natural isso, não teve sofrimento na nossa experiência, muito pelo contrário, ganhei um reconhecimento maravilhosa da minha capacidade de dar conta das coisas que aparecem na vida sem me desesperar (coisa que aconteceria facilmente à uns 6 meses atrás). E o melhor, este reconhecimento veio de mim mesma, da avaliação que pude fazer da nossa experiência.

Hoje estou contente comigo mesma!!!

Vou aproveitar este sentimento gostoso de auto-reconhecimento, juntar com esta sensação de que, enfim, estou voltando a ser Eu, e não somente "Mãe + um protótipo de Eu", e vou lá curtir o meu marido!! Porque depois dessa semana a gente merece!!!

11 comentários:

becabricio disse...

Oi Gabi!
Que bom que deu tudo certo! Eu fico tanto tempo sozinha com o Gui e isso muito me preocupa. Por um lado ele acaba não querendo tanto o pai e por outro, ah adoro, pois a TETA LANCHE FELIZ aqui, né tem o que ele necessita. Assim que o Rafa chega do trabalho eu já o estimulo a ficar com o Gui, até pq eu quero tomar um bom banho demorado, quero pintar as unhas com um método super interessante por sinal, hehehee, sei lá fazer um pip's!!!E é batata, assim q estou ensaboada por completa, ele abre o berreiro, mama a blusa do pai querendo o leitinho, sendo q sempre o amamento bem antes de tomar banho ... esse lado não me deixa ter tempo para a casa, eu amo limpar e arrumar a casa e desde q o Gui completou 1 mês eu não consigo. Domingo, fiquei sozinha praticamente 20h com ele, e ele fez mainha e eu não to acostumada com muito resmungo dele. Ele é tranquilão. Pensei em cólica, mas era um chorinho sem sofrimento, fiquei o dia todo de sling pra dar uma relaxada nele... Estou mooooorta :) Mas deu tudo certo, agora ele ta dormindo e antes mamou 1h direto, sugando a última mamada!!! Muito gostoso!!!

Terça ele fará 2 meses!!!!!!!
bjkass

Ju Dalzoto disse...

Oi Gabi!!!

Parabéns, amiga!!! Olha, eu sou sua fã!!! Não pelo fato de vc ter conseguido fazer as coisas sozinha, mas por ter conseguido reconhecer o quanto isso foi importante pra vc!

Adorei a parte de que vc volktou a ser vc mesma! Sei como é... tem horas (meses, anos, ...) que a gente passa a ser "a mãe do fulaninho"!!! E tem mães que esquecem que são mulheres em primeiro lugar e que precisam ser assim para serem mães melhores!

Um beijo grande, querida! E uma ótima semana!

Adoro ler seu blog ;)

Ser mãe é viver constantemente feliz! disse...

É isso aí, temmque ter tempo pra filha, pro marido, mas principalmente pra vc...o próximo passo é um dia vc sair pra se divertir com as maigas e deixar a beb~e com o marido, vc verá que é difil na primeirta vez, mas depois verá como a gente se sente pessoa de novo e não só mãe....e nada de culpa, afinal, os filhos crescem e se espelham na alegria e na força de vontade dos pais....bjs

Carol Garcia disse...

que bacana!!!!
bom de ler esse post...
eu morria de medo de virar mãe e simplesmente esquecer que tinha uma carol no meio disso tudo.
graças a deus que nãqo aocnteceu.
trabalhar, cudar da casa, do marido, dos cachorros, dos amigos e ainda ser mãe cansa pacas, mas é super gratificante.
parabéns!
bjocas
carol

http://viajandonamaternidade.blogspot.com

Andrea Bettiati disse...

Oi Gabi, tudo bem????? è isso ai amiga, parabens!!!! é tao bom nos sentirmos assim nao eám?? quando a Julia nasceu eu tinha 20 anos... de repente me vi casada, longe dos meus pais, porque eu fui morara em SP, com uma bebe recem-nascida, e um marido no primeiro ano de residencia, que MORAVA no hospital, ele só nao tinha plantao as terças e sabados!!!! Tive que perder meu "medo" e me virar....ainda me lembro da primeira noite que nós duas passamos sozinhas...... mas é demais perceber que tiramos forças de nao se sabe onde , nao éam??? Como ja comentei em meu blog, Julinha esta com 10 anos, e é minha melhor amiga!!!!!!!

beijos pra vcs!!!!!!!

Chris Ferreira disse...

Oi Gabriela,
parabéns pela conquista. É muito bom descobrir o quanto somos capazes.
Olha tem selinho para você lá no blog, dá uma passadinha para pegar tá?
beijos
Chris
http://inventandocomamamae.blogspot.com/

Andrea Bettiati disse...

Gabi...tem selinho pra vc no blog!!!! passa la linda!!!! beijo

lunaolargachupeta.blogspot.com

Pituka disse...

OI flor... estou com saudade de vcs... Apareceu seu blog no promova e entrei... olha só!

Eu fico com o Pedro todo o tempo, trabalho, estudo, sou do lar, mãe e mulher... isso cansa muito. O paulo fica pouco em casa e quando fica raramente me ajuda, então já me acustumei a rotina. Abri uma loja MINHA e esse sim tem sido minha dor de cabeça, porque sei que ele não vai ficar muito tempo quieto dentro da loja, 1h no máximo e ele vai querer sair, passear, jogar bola e uma funcionária AGORA está fora de cogitação. Sobre me anular, não me anulei, continuo super vaidosa e peruona.

Ana Paula disse...

Olá Gabriela, parabéns pelo Blog, vou seguir! Linda sua Malu, tem mais é que documentar para relembrar futuramente os acontecimentos né? Com o tempo vamos tirando de letra a maternidade e voltando a cuidar mais da gente.Tenho a Giovana de 4 anos e também fiz um blog para registrar suas gracinhas...bjos, Ana Paula

Mamãe caprichosa disse...

Oi Gabriela! Ser mãe é cada dia descobrir novas habilidades!! Parabéns!
Pelo seu blog, dá para peceber que vcé mãezona mesmo!!Ñão sei se vc viu o manifesto a favor da maternidade. Dá uma chegadinha lá no blog. Vale a pena!!
Bjs
Carla
http://mamaecaprichosa.blogspot.com

Vanessa Caubianco disse...

É legal quando ficam "só as meninas"...rssss.
Olha só, se puder (e quiser), passa lá no meu e participa da campanha "O que vc fez pelo seu planeta hoje". Nossos filhos agradecem!!!! bjbj
mamydegemeos.blogspot.com